8 riscos que você pode mitigar na próxima safra de soja e milho

Seguro agrícola protege a produtividade da lavoura da ocorrência de chuva excessiva, seca, geada, granizo, vendaval, tromba d’água, raio e incêndio


O seguro agrícola têm se tornado uma ferramenta cada vez mais importante para proteger as lavouras. As apólices são um instrumento para a gestão de riscos, minimizando significativamente o possível impacto das intempéries ao longo da safra, como as secas e chuvas excessivas. Além disso, aquele mito de que o seguro agrícola é caro ou inacessível já está caindo por terra.

 

Mitigue os riscos

Atualmente, há no mercado inúmeras opções e condições especiais de pagamento. Um exemplo disso é a forma como a Rede AgroServices facilita a contratação de seguro agrícola, por meio do resgate por pontos na plataforma, com oferta do seguro Multirrisco Grãos, um seguro de produtividade disponível para resgate desde janeiro de 2019, confira detalhes aqui. Trata-se de um produto oferecido pela seguradora canadense Fairfax que assegura lavouras de soja e milho primeira e segunda safras, com cobertura contra chuvas excessivas, secas, geadas, granizo, vendaval, tromba d’água, inundação e incêndio. “Atendemos produtores que buscam ferramentas de gestão de risco. Cada vez mais, vamos procurar oferecer produtos novos e diferenciados em parceria com a Bayer”, afirma Fabio Damasceno, Diretor de Agronegócio da Fairfax no Brasil.

Para contratar o seguro rural na Rede AgroServices, o produtor pode fazer uma cotação online, informando o histórico de plantio, colheita e produtividade da lavoura para simular os valores em poucos minutos. Faça a sua cotação no link aqui. A parceria da Bayer com a seguradora canadense está se fortalecendo e a Fairfax já planeja novidades para beneficiar ainda mais os participantes da Rede AgroServices. “Teremos seguro para outras culturas e novos produtos no segundo semestre de 2019, com cobertura para frutas e cana. Também pretendemos oferecer seguro pecuário e de maquinário também”, diz Damasceno. “No futuro queremos trazer o seguro de renda, com um desenho cada vez mais atrativo.”

Enquanto que nos Estados Unidos mais de 90% da área agricultável é coberta por seguro agrícola, estima-se que no Brasil apenas cerca de 12% das lavouras são asseguradas. Embora a estimativa pareça negativa, ao mesmo tempo representa um enorme potencial de crescimento do seguro rural no Brasil. Espera-se um movimento natural de conscientização do produtor sobre a importância do seguro e amadurecimento nas ofertas de produtos. “Temos um feedback positivo dos produtores, mas o seguro ainda é considerado caro. Precisamos massificar o seguro para que a questão de custo seja vista de forma mais atraente”, afirma Damasceno.

 

Tendências de mercado

Na safra 2018/19, boa parte dos produtores se assustaram com o clima atípico, marcado por chuvas irregulares em muitas regiões produtoras. O clima desfavorável gerou recuos de produtividade significativos na primeira safra de soja e prejuízos financeiros que abalaram muitos agricultores. Nessas horas, observa-se como o seguro agrícola seria importante para contornar esse cenário negativo. “Tivemos muitas perdas principalmente no Paraná e Mato Grosso do Sul. As perdas foram grandes e com certeza isso atrai o produtor para a contratação de seguro agrícola”, diz Damasceno.

De acordo com o Diretor da Fairfax, o mercado sinaliza novidades e aquecimento das contratações para a safra de soja 2019/20. “Acreditamos que será uma safra com menos problemas climáticos, mas algumas regiões podem sofrer com um pouco de seca e esperamos uma busca maior pelo seguro”, diz Damasceno. Segundo ele, outra tendência é que existe uma expectativa de aumento no volume de recursos do Governo Federal para subsidiar a contratação de apólices rurais. “Isso facilita muito o acesso ao seguro, é um benefício dado ao produtor rural pelo governo e não pela seguradora. O panorama para a próxima safra é bem interessante. Na Rede AgroServices deixamos disponível a opção para o produtor escolher se quer ou não participar do programa de subvenção do governo. Caso ele queira, posteriormente vai ser consultado se tem aceitação”, explica Fabio Damasceno.

Informações Importantes:

Recomendamos a leitura atenta das condições contratuais de seguro, principalmente no que se refere aos riscos excluídos.

A aceitação do seguro estará sujeita à análise prévia do risco;

O registro deste plano na SUSEP não implica, por parte da Autarquia, incentivo ou recomendação a sua comercialização;

O segurado poderá consultar a situação cadastral de seu corretor de seguros, no site www.susep.gov.br, por meio do número de seu registro na SUSEP, nome completo, CNPJ ou CPF;

Processo SUSEP nº 15414.004195/2010-52 e 15414.900402/2017-78.


SE LIGA NO AGRO!

8 riscos mitigados pelo seguro agrícola

- Chuvas excessivas

- Seca

- Geada

- Granizo

-Vendaval

- Tromba d’água

- Raio- Incêndio

Resgate agora!

Compartilhe!

COPYRIGHT © REDE AGRO S.A - Última atualização: 12/07/2019 (1.0.2987)